WhatsApp-Image-2022-05-26-at-20.15.47-33

VOCÊ ESTÁ LENDO:

Coisas da Vida – Capítulo 34 (Último Capítulo)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on tumblr

Coisas Da Vida

Novela de Débora Costa

Escrita Por

Débora Costa

Colaboração

Tainá Andaluz

Personagens desse capítulo

ABNER

ARMANDO

BETINA

CAETANO

CARMEM

ELLEN

GIOVANNA

GUSTAVO

ISABELA

JULIO

KAREN

LUNA

MURILO

OLIVIA

RAMON

RODRIGO

Cena 1/Int./Mansão Montenegro/Sala/Dia.

Luna, Abner, Armando, Karen, Júlio e um policial estão reunidos, Luna está aflita.

LUNA

O Caetano quer que eu vá sozinha! Se ele ver a policia, pode fazer mal ao meu filho!

POLICIAL

E se a senhora for sozinha também, confia em nós, ele não irá nos ver.

KAREN

Eu acho que a policia deve ir também filha.

ABNER

Eu também, alguém tem que parar o Caetano de uma vez!

LUNA

Mas eu não quero arriscar a vida do Davi! 

JÚLIO

Luna eles irão acompanhar de longe e estarão disfarçados, Caetano não vai perceber a presença da polícia.

ARMANDO

Nem a minha, porque eu também vou.

Murilo entra todos os olham ele está sem graça.

MURILO

Eu vim aqui para falar que… As contas da rede de hotéis Montenegro estão praticamente zeradas…

Abner fica incrédulo.

ABNER

Como é?

LUNA

Foi ele… Caetano fez a mesma coisa que fez com o meu pai adotivo.

Abner fica revoltado.

ABNER

Presta bem atenção no que vou falar, assim que minha filha estiver com o meu neto nos braços, eu quero que prendam esse maldito custe o que custar! E que recuperem o que ele me roubou!

Todos se olham tensos.

Cena 2/Int./Hotel Montenegro/Recepção/Dia.

Gustavo, Giovanna, Olivia e Betina estão reunidos.

GUSTAVO

Eu queria ajudar Luna encontrar o filho dela.

GIOVANNA

A gente não pode fazer nada meu amor, não temos noção de onde começar a procurar.

OLIVIA

Eu fui muito apaixonada pelo Caetano, sabia das coisas que ele era capaz de fazer, mas agora ele se superou, quanta maldade.

BETINA

Coitada da minha irmã, ela estava tão feliz com o casamento e acontece uma coisa dessas.

GUSTAVO

A Luna merece ser feliz Betina, e eu tenho certeza que ela vai encontrar o Davi, cedo ou tarde ele vai aparecer.

GIOVANNA

Ele estava com a gente, até agora não me conformo como alguém entrou e levou o menino sem a gente perceber.

OLIVIA

Foi a distração Giovanna, quem entrou e levou o Davi se aproveitou disso.

Cena 3/Int./Shopping/Estacionamento/Dia.

Caetano e Isabela estão dentro de um carro com os vidros escuros, Caetano está com Davi no colo, ele vê Luna parada onde combinaram.

CAETANO

Isabela ela chegou, fica com o Davi.

ISABELA

Não quero tocar nesse gosmento de novo.

CAETANO

Faz logo o que estou mandando!

Isabela pega Davi, Caetano desce do carro, olha em volta se aproxima de Luna.

CAETANO

Oi Luna.

LUNA

Caetano, eu estou aqui, vim sozinha como você pediu, agora eu quero o meu filho!

CAETANO

(sorri) Calma… Eu tenho uma proposta para te fazer.

LUNA

Que proposta?

CAETANO

Você vem com a gente… Vamos ser uma família Luna.

LUNA

Você é louco?

CAETANO

Quem sabe, mas eu quero você perto de mim também, não apenas o meu filho.

LUNA

Ele não é seu filho! Para com isso e me deixa ver o Davi! Por favor!

Caetano se aproxima do carro, abre a porta, Isabela desce do carro segurando Davi, Luna se aproxima faz que vai segurar o bebê, Isabela o afasta, sorri.

ISABELA

Ei, você não vai segurar o seu filho nunca mais.

Luna chora.

LUNA

Caetano por favor… Me devolve o Davi.

CAETANO

Vem com a gente e você terá Davi nos seus braços novamente.

Luna pensativa, triste, faz que sim com a cabeça, Caetano pega Davi de Isabela, entrega para Luna e a segura pelo braço.

CAETANO

Entra no carro.

Luna vai entrar no carro Armando se aproxima.

ARMANDO

Eu não vou permitir que você leve a minha família!

Caetano tira Davi do colo de Luna, está nervoso.

CAETANO

Eu falei pra você vir sozinha! Fica longe daqui Armando!

Isabela entra no carro, Luna chora desesperada.

LUNA

Não leva o meu filho! Ele não é seu Caetano, eu te falaria se fosse, por favor…

Luna se ajoelha implorando.

LUNA

Me devolve ele, por favor.

Caetano observa Luna, a levanta pelo braço devagar, entrega Davi a ela, a olha nos olhos.

CAETANO

Sabe Luna… Desde quando te conheci sempre senti uma coisa diferente por você, no começo você era ingênua, boba, mas com a Luna de agora foi diferente, um isto de ódio e algo perto do amor…

Armando segura Luna a afastando de Caetano que ouve barulho de sirene de carro de polícia, ele fica com raiva.

CAETANO

Droga! 

Isabela abre a janela, está aflita.

ISABELA

Vamos embora papai!

CAETANO

Armando me dá as chaves do seu carro agora!

Armando entrega as chaves para Caetano, Isabela desce do carro, entra com Caetano no carro de Armando, e eles saem em alta velocidade do estacionamento, Luna e Armando se abraçam aliviados, beijam Davi.

Cena 4/Ext./Rua./Dia.

Caetano está dirigindo em alta velocidade enquanto é perseguido pela polícia, Isabela está aflita, nervosa.

ISABELA

Mais rápido papai! Eu não vou terminar como a Vivian por causa da Luna!

CAETANO

Carros não voam Isabela! Estou fazendo o máximo que posso!

Caetano passa por farol vermelho numa tentativa de parar a polícia, mas não adianta, Caetano vai na contra mão, Isabela se segura, a polícia continua a perseguição, um caminha se aproxima de frente com Caetano, que desvia do caminhão e perdendo o controle do carro, que vira e capota algumas vezes, Caetano tem um revê desmaio volta a si rapidamente, está preso nas ferragens olha para o lado e vê Isabela imóvel com o rosto virado para o lado da janela.

CAETANO

Filha… Você está bem?

Caetano vira Isabela e percebe que ela está morta, Caetano entra em choque ao ver a filha morta e chora,a  polícia cerca o carro.

Cena 5/Int./Letreiro: 1 Ano Depois/Mansão Montenegro/Suíte de Luna/Dia.

Luna está se arrumando Davi entra correndo, Luna o abraça, Armando entra, sorri.

ARMANDO

Bom dia meu amor.

LUNA

Bom dia Armando, mas não era para você estar aqui, sabe que hoje temos que ficar distantes, dá azar ver a noiva antes do casamento.

ARMANDO

Depois de tudo que aconteceu comigo longe de você daquela vez, resolvi estar por perto, dessa vez nosso casamento sai.

LUNA

(sorri) Agora não temos mais quem nos faça mal meu amor.

ARMANDO

Mesmo assim dona Luna, só saio de perto quando a Karen me expulsar.

Luna dá risada, beija Armando.

Cena 6/Ext./Penitenciária/Pátio/Dia.

Murilo está em pé observando o pátio da cadeia, vê Caetano se aproximar em sua cadeira de rodas, se aproxima para ajudar, Caetano o impede.

CAETANO

Me viro todos os dias sozinho, não preciso de ajuda agora.

MURILO

Está bem…

CAETANO

Desculpa… Você é o único que vem me visitar Murilo, obrigado.

MURILO

Sou seu filho não sou, mesmo você tendo feito tantas coisas erradas eu te amo.

CAETANO

(fecha os olhos) Eu vejo a imagem da Isabela morta todos os dias…

Caetano abre os olhos.

CAETANO

É um filme de terror que passa repetidamente na minha cabeça, daria qualquer coisa para ter ela comigo de novo, mas eu não me arrependo de nada que fiz Murilo.

MURILO

Eu sei, mas agora você não pode fazer mal pra mais ninguém papai, e isso é uma coisa boa.

CAETANO

Não faço porque não quero, tenho meus meios de atingir a todos novamente, mas cansei… Perdi a minha filha que era a coisa mais importante da minha vida, perdi a vontade de viver Murilo.

MURILO

Não fica assim papai… Eu virei sempre que puder.

Murilo segura a mão de Caetano que olha para frente, distante.

Cena 7/Ext./Mais Tarde/Interior da Bahia/Área Rural/Dia.

Ellen está sentada em frente a uma casa pequena e simples, está lendo um jornal, algo lhe chama a atenção, é o anuncio do casamento de Luna e Armando, Ellen vê uma foto de Karen e Abner felizes, fica com raiva, rasga o jornal com raiva, joga no chão.

ELLEN

Malditos! Espero que sejam bem infelizes! 

Cena 8/Int./Hotel Montenegro/Salão de Festas/Noite.

O salão está pronto para o casamento de Luna e Armando. Betina, Murilo, Giovanna e Gustavo estão sentados em uma das mesas.

BETINA

Eu estou tão feliz que até parece que a noiva sou eu.

MURILO

Se você quiser a gente se casa novamente meu amor.

Betina beija Murilo.

BETINA

Não é má ideia.

Uma menina de um ano se aproxima correndo, abraça Betina que a pega no colo.

BETINA

E eu vou adorar ter outra menina linda igual a nossa filha, não é princesa.

Betina beija o rosto da menina, Giovanna sorri.

GIOVANNA

Uma irmãzinha eu não sei quando ela vai ter… Mais uma amiga ou um amigo para brincar sei que ela vai ter em breve.

Giovanna coloca a mão na barriga Gustavo fica surpreso e feliz.

GUSTAVO

É sério meu amor?

GIOVANNA

Sim! Eu fiz o texto hoje e deu positivo!

Todos ficam felizes Gustavo beija Giovanna.

Karen está observando o movimento do salão, pensativa, Abner se aproxima, a abraça.

ABNER

Em que está pensando meu amor?

KAREN

Em tudo… Desde o passado até hoje.

ABNER

O passado deveria ser esquecido.

KAREN

Eu achei que nunca mais iria amar como te amava naquela época, mas a vida me mostrou que estava enganada, além de amar novamente o amor é por você… Estou me dando bem com a Luna, a filha que eu nunca quis e que agora não sei viver sem… A vida é uma caixinha de surpresa.

ABNER

E hoje? Você é feliz Karen?

Karen sorri.

KAREN

Muito mais do que antes meu amor.

Karen e Abner se beijam, Julio e Carmem se aproximam.

JULIO

Por um instante achei que vocês fossem os noivos.

CARMEM

Não liguem para o Júlio, ele adora fazer gracinhas.

ABNER

Eu sei, gracinhas sem graça.

KAREN

E o Rodrigo?

CARMEM

Foi buscar a Olivia.

ABNER

Eles estão namorando firmes mesmo, isso é bom.

JULIO

Se não fosse Olivia o Rodrigo não iria ter superado a morte da Isabela.

KAREN

É como dizem… Um amor cura o outro.

Cena 9/Int./Hotel Montenegro/Salão de Festas/Noite.

Armando está no altar esperando Luna que entra acompanhada de Abner, o tempo todo Luna sorri feliz, Abner entrega Luna ao altar, Armando se aproxima segura e beija a mão de Luna, a cerimônia começa, todos assistem felizes, Gustavo e Giovanna, Murilo e Betina, Rodrigo e Olivia, Carmem e Julio, Karen e Abner, Armando coloca a aliança no dedo de Luna e Luna coloca a aliança no dedo de Armando, Luna e Armando estão casados, eles se beijam.

Cena 10/Ext./Rio de Janeiro/Praia./Dia.

Luna está sentada observando o mar, sorri ao ver Davi brincando na areia, Armando se aproxima, se senta ao lado dela.

ARMANDO

Você escolheu um belo lugar para passarmos nossa lua de mel meu amor.

LUNA

(sorri) Gosto daqui, olhar o mar sempre me trouxe uma paz muito grande e fazer isso com os amores da minha vida é incrível.

ARMANDO

(sorri) Eu já disse que te amo?

LUNA

(sorri) Hoje só desde o momento em que acordamos.

ARMANDO

Eu te amo Luna.

LUNA

Eu também te amo meu amor.

Luna e Armando se beijam, Davi se aproxima, Luna o senta entre ela e Armando, pega o celular e tirar uma selfie dos três felizes.

FIM

LEIA MAIS DESTE CONTEÚDO:

A Widcyber está devidamente autorizada pelo autor(a) para publicar este conteúdo. Não copie ou distribua conteúdos originais sem obter os direitos, plágio é crime.

Pesquisa de satisfação: Nos ajude a entender como estamos nos saindo por aqui.

Você também poderá gostar de ler:

Você também poderá gostar de ler:

>
Rolar para o topo