VOCÊ ESTÁ LENDO

Falsas Juras – Capítulo 31: Últimos capítulos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

 

Cena 1- Cabana Abondonada / Int / Tarde

 

Continuação imediata do capítulo anterior.

Felipe surpreso: Você?

Liandra o encara.

Felipe: Você roubou meu dinheiro sua ordinária. Como tem coragem de aparecer aqui? Aliás como me achou aqui? Tá em complô com a viúva dos infernos também né?

 

Liandra: Claro que não, você acha o que? Acha mesmo que eu peguei o seu dinheiro e fugi? – ela tira a máscara – está vendo isso aqui? Tá vendo está cicatriz? Foi ela, foi aquela infeliz.

Felipe: Heloísa?

Liandra: Ela me obrigou a dar a ela a senha do cofre. Pegou todo o dinheiro e depois tentou me matar, da mesma maneira que ela tá fazendo com você agora. Me trancou numa casa velha e ateou fogo para me matar queimada. Felizmente eu consegui fugi.

Felipe surpreso: Então foi ela, ela fez tudo isso. MALDITA! DESGRAÇADA!!

Liandra: Ela planejou tudo, fez você acreditar que eu tinha te roubado e fugido. E pelo visto você acreditou.

Felipe: Eu devia ter acabado com ela. Devia ter matado ela com minhas próprias mãos.

Liandra: Ainda podemos fazer isso, juntos. Temos motivos de sobra para acabar com aquela viúva ordinária. Agora mais que antes. Que tal.

Felipe: Acabar com a viúva, mata-lo e mandar ela para o inferno sem passagem de volta. Isso é o que eu quero.

Liandra: Somos dois, então voltamos nossa antiga aliança?

Felipe: Claro, claro. Agora me soltei daqui que ela deve está quase chegando.

Liandra: Sim, vamos sair antes que ela chegue. Vamos atacar ela quando ela menos esperar, mas antes vamos deixar ela desesperada ao chegar aqui e não te encontrar.

Liandra solta Felipe e os dois saem.

 

Corta para.

 

Cena 2- Mansão Sodré / Sala / Int / Fim de Tarde

 

Heloísa chega. Tânia está a sua espera.

Tânia: Helô, quem era aquela mulher? O que ela queria?

Heloísa: Era a Suzana, a tal mulher que eu havia falado. – ela começa a chorar – minha filha Tânia, ela está viva.

Tania: Filha? A senhora tem uma filha?

Heloísa: Tenho sim, mas, eu achava que ela tava morto, hoje então eu descobri que ela está viva.

Tânia: Que história, Helô!

Heloísa: Por isso eu tenho que dar logo um fim nesta minha história de vingança. Preciso recuperar o tempo perdido com minha filha.

Tânia: A senhora vai sair agora?

Heloísa: Vou sim, vou até a cabana para acabar logo com isso.

Tânia: Não é perigoso ir pra lá sozinha? A esta hora.

Heloísa: Não se preocupe, eu volto logo.

Heloísa sai.

Tania: Meu Deus, que calafrios.

Corta para.

 

Cena 3- Apto de Fernando / Sala / Int / Fim de Tarde

 

Fernando chega. Jonathan está sentado no sofá.

Fernando: Olá, como você está?

Jonathan: Eu vou ficar bem.

Fernando: Que bom, e sobre sua mãe, já pensou no assunto?

Jonathan: Eu pensei muito, mas não consigo chegar a nenhuma conclusão.

Fernando: Pois você tem que chegar logo, você não pode ficar brigado com ela pro resto de sua vida. Ainda mais agora que seu pai não quer saber de você.

Jonathan: Eu vou pensar, eu… só preciso de um tempo, só isso.

Fernando: Tudo bem, mas é que tal uma comida fresquinha?

Jonathan: Devo confessar que estou faminto. – sorri – você sabe mesmo cozinhar?

Fernando: Anos morando sozinho me tornei um mestre cuca. – sorri.

Jonathan: Opa, vejo que tirei uma sorte grande.

Fernando: Eu vou preparar algo para a gente comer.

 

Corta para.

 

Cena 4- Cabana Abondonada / Int / Fim de Tarde

 

Heloísa entra no lugar. Ela fica surpresa por não encontrar Felipe.

 

Heloísa: Aaaaah!!! – ela grita assustada. – cadê ele? Ele não pode ter saído daqui, não pode.

Ela anda pelo lugar.

Heloísa: As cordas foram desatadas. Mas como? Era impossível ele sair daqui. Tenho que avisar a Aída.

Ela sai.

 

Corta para.

 

Cena 5- Mansão Sodré / Sala / Int / Noite

 

Aída chega. Tânia a recebe.

Aída: Tânia, cadê a Helô?

Tânia: Que bom que você chegou, ela foi lá pra falar cabana, eu tenho medo dela lá sozinha a esta hora.

Aída: Meu Deus, ela não devia ter ido sozinha aquele lugar.

Tânia: Foi o que falei, mas ela disse que precisava por logo um fim a isso tudo.

Aída: Eu vou até lá, preciso encontrar ela.

Heloísa entra com tudo: Estamos perdidas.

Aída: Heloísa, que bom. Mas o que houve?

Heloísa: O Felipe, o desgraçado fugiu.

Aída: Fugiu como assim?

Heloísa: Eu não sei, cheguei lá ele não estava e as cortas estavam desatadas.

Tânia: Aí meu Deus, isso não é bom.

Heloísa: Não, isso é péssimo. Agora ele vai querer nosso fim.

Aída: O que fazemos?

Heloísa: Temos que ter cuidado. Com ele solto por aí e sabendo dos nosso planos é algo realmente perigoso.

Tânia: Dona Heloísa, eu estou com medo agora.

Heloísa: Não vamos nos desesperar. Vamos manter a calma. Tem uma solução.

Aída: E o que você vai fazer?

Em Heloísa. Corta para.

 

Cena 6- Copacabana / Ext / Manhã

 

Jonathan caminha pelo calçadão quando encontra Sofia.

Sofia: Jonathan? Que bom te ver, cê tá bem?

Jonathan: To, eu tô bem.

Sofia: Graças a Deus, estávamos preocupados com você. Onde você tá?

Jonathan: Eu estou no apartamento do Fernando. Estou morando lá com ele.

Sofia: Ué, ele não tinha um namorado?

Jonathan: Eles terminaram. Agora eu estou lá com ele.

Sofia: Que bom. Eu sinto muito pelo que o papai fez.

Jonathan: Eu não quero nem falar nele. Vamos tomar algo?

Sofia sorri: Vamos sim.

Eles sentam num quiosque.

 

Cena 7- Apto de Daniela / Quarto de Kelly / Int / Manhã

 

Daniela entra com uma bandeja nas mãos.

Daniela: Bom dia.

Kelly: Eu morri e estou no seu é isso mesmo? Café da manhã na cama.

Daniela: Eu só quero que você se recupere logo. – ela senta na cama.

Kelly: Assim eu vou ficar mau acostumada.

Daniela: Não é minha intenção.

As duas sorriem.

Daniela: Você não me falou o que o Tomás queria.

Kelly: Veio com história que reatar nosso casamento. De recomeçar, que tava arrependido…

Daniela: E você acha que ele está falando a verdade?

Kelly: Não sei, e twmenm se tiver, azar o dele. Eu e ele não dá mais.

Daniela: Tem certeza?

Kelly: Absoluta. – sorri – agora eu só quero viver minha vida em paz.

Daniela: Tamo juntas então. – sorri.

Kelly roga o copo com café: Um brinde a solterice!

Daniela: Que continuamos felizes, sem depender de homem para isso.

Na felicidade das duas. Corta para.

 

Cena 8- Apto de Exdras / Sala / Int / Manhã

 

Exdras termina de tomar café. Ele entra no quarto logo sai já arrumado. para ir trabalhar. A campainha toca.

Exdras: Campainha a essa hora da manhã?

Ele abre. Heloísa entra.

Exdras: Heloísa?

Heloísa: Eu preciso falar com você.

Em Exdras surpreso. Corta para.

Fim do Capítulo 31

 

Continua.-” ”>-‘.’ ”>

Atenção: A Widcyber tem a autorização do autor para publicar este conteúdo.

cropped-wid-1.png

NAVEGAR

>
error: Este conteúdo é protegido! A cópia deste conteúdo não é autorizada em virtude da preservação de direitos autorais.
Rolar para o topo