CENA 1. MANSÃO DE MARIA. INT. DIA

Maria se acorda e não ver Beto ali, ela sai do quarto e se choca ao ver o quarto ao lado com a porta aberta e Tati deitada sem roupa com Beto dormindo juntos. Maria joga uma jarra de água gelada neles, pega Tati pelos cabelos e dá vários tapas na sua cara e uma pezada na sua barriga fazendo Tati se desequilibrar e cair da janela.

MARIA – SAI DA MINHA CASA BETO, SEU GOLPISTA ESTAVA COM ESSA VAGABUNDA TODO ESSE TEMPO.

BETO – Maria isso foi armação…

MARIA – SAAAAAI, E SEM NENHUMA ROUPA PORQUE FOI TUDO EU QUE DEI.

Beto sai pelado revoltado, ele rodeia a casa procurando Tati e não encontra, apenas sangue no local da sua queda.

CENA 2. LABORATÓRIO. INT. DIA

Heitor e Angela combinam com Clara e Ariana de sair dali. Gólia passa ouvindo aquilo e dá uma gargalhada, eles batem no vidro furiosos.

GÓLIA – PODEM CHORARRRR COLEGUINHAS.

CENA 3. SALA ESCURA. INT. DIA

Noé se acorda e ao olhar para o lado, Miguel dorme, ele fica confuso olhando para o garoto, ele se acorda e os dois ficam se olhando.

MIGUEL – Me desculpa por ontem eu…

NOÉ – Você é gay?

MIGUEL – Não, mas eu gosto de homem, mas me desculpa eu..

NOÉ – Eu gostei!

Os dois voltam a se beijar e tiram suas roupas.

CENA 4.LABORATÓRIO. INT. DIA

Júlia e Gólia vem passando pelo corredor e vêêm Heitor e Ariana urinando em cima dos botões e fechaduras eletronicas das portas das celas, não demora para dar um curto circuito.

JULIA – NÃO FAÇAM ISSO SEUS DESGRAÇADOS!

As luzes começam a ascender e apagar e as portas abrirem e fechar, alguns vampiros tentam escapar mas as portas imprensam eles ao abrir e fechar quebrando seus ossos e sangue escorre por todo lugar, outros brigam para ver quem sai primeiro. 

GÓLIA – VAMOS EMBORA DAQUI JULIA OU TODOS VÃO NOS MATAR.

JULIA – VAMOS PARA SALA DE CONTROLE.

As duas correm e os amigos pensam em como sair dali.

CENA 5. MANSÃO CASTRO E MELO. INT. DIA

Breno se acorda só de cueca e ao sair do quarto ver Lyris e Marcelo se beijando e fica chocado.

BRENO – QUE É ISSO?

LYRIS -Eu não sou filha verdadeira do Marcelo e da Fernanda, e estou namorando com ele.

FILIPA – Tudo bem então mas cadê a Fernanda?

Alguém bate na porta e ao irem até lá eles encontram Fernanda desacordada e ficam sem saber o que fazer.

A Widcyber está devidamente autorizada pelo autor(a) para publicar este conteúdo. Não copie ou distribua conteúdos originais sem obter os direitos, plágio é crime.

Pesquisa de satisfação: Nos ajude a entender como estamos nos saindo por aqui.

Leia mais Histórias

>
Rolar para o topo