“Planeta Azul”

CENA 01. RUA. NOITE. EXT.

Legenda: Planeta Terra, Via Láctea. 4233 d.c.

Sonoplastia: Rocket Man (instrumental)/ Elton John

Uma jovem de cabelos castanhos escuros está sentada sobre o capô amassado de um veículo velho. Seu rosto não é revelado. A CAM se distancia lentamente por trás da garota, mostrando seus ombros e parcialmente suas costas. Continua se distanciando revelando um veículo velho que não apresenta espaço para pneus, volante e muito menos porta. A sua capacidade é de apenas um indivíduo e sua parte inferior é completamente reta e está parcialmente amassada.

A área ao redor apresenta casas destruídas, árvores mortas, várias crateras na rua e nenhum sinal de vida, além da garota sobre o veículo. Ela observa o céu noturno e as poucas estrelas visíveis no local. Do seu ponto de vista, é possível enxergar pequenos pontos brilhantes camuflados por grandes manchas de nuvens densas e escuras.

FUSÃO PARA

CENA 02. CASA DA FAMÍLIA “BO”. QUARTO. DIA. INT.

Legenda: Planeta Aquares-d, Galáxia de Andrômeda. 2178 d. h.

O céu nublado e pouco brilhante dá lugar para um céu estrelado e limpo. BO-1325 está deitado em sua cama, observando um holograma de como seria o céu noturno visto da Terra. Está fascinado com a quantidade de estrelas brilhantes em seu teto. Ele estica sua mão direita com a intenção de tocar em uma, mas o holograma é encerrado junto com a música ao fundo.

FIM DA SONOPLASTIA.


BO-1325

Por que parou? (senta-se) 


CASA (voz feminina)

Sua mãe está subindo!


BO-1325 dá um salto da cama e vai rapidamente para sua mesa de estudo. Finge pesquisar algo no display virtual da mesa. A mãe dele entra no quarto.


BO-1302 

Filho, estamos indo. 


BO-1325

Já? (desliga o display da mesa) Então acho que vou até a casa da família LY.


BO-1302

Não está estudando?


BO-1325

Já terminei.


BO-1302

Qualquer coisa, é só pedir pra casa que ela irá preparar o jantar.


BO-1325

Outro plantão daquele? 


Se levanta, caminha em direção a sua mãe. 


BO-1302

Isso que dá ser a melhor jornalista do planeta. (ri)


BO-1325

Isso porque ainda não me conheceram! Ainda vou superar você. Pode anotar.


BO-1302

Eu sei que vai. (pega na mão dele) Os filhos sempre são melhores que os pais. 


Toca no código do filho, localizado no pulso dele. BO-1325 por algum motivo fica incomodado com a fala de sua mãe. Se afasta dela, indo em direção a sua cama.


BO-1325

Papai vai ficar com você?


BO-1302

Vai sim. Ele me dará apoio durante toda a cobertura.


BO-1325

O governo tá investindo muito nessa exploração. Será que descobriram algo?


BO-1302

Talvez. E mesmo assim, é o dinheiro dos nossos impostos que estão bancando essas viagens de exploração pela galáxia. Eles têm mais é que se esforçar mesmo. 


BO-1325

Será que um dia, Aquares terá o mesmo fim que a Terra? (senta-se na cama)


BO-1302

Se depender da população atual, duvido muito. Os humanos em Aquares são bem mais conscientes do que os humanos que viviam na Terra.


BO-1325

Talvez se eu tivesse nascido em uma família diferente, eu estaria viajando pelo universo, explorando novos mundos… (olha para seu código)


BO-1302 sente um incômodo na fala do filho.


BO-1302

Infelizmente não escolhemos a que família nascemos. (vai até a porta) A casa ficará responsável agora. Qualquer coisa, comunique a ela.


BO-1325

Okay.


BO-1302 saí do quarto. Sozinho novamente, BO-1325 deita-se na cama. Imediatamente o clima volta a escurecer, o holograma reaparece no teto junto com a música ao fundo.


CENA 03. PARQUE ATENS. TARDE. EXT.


BO-1325 e LY-1108 estão sentados embaixo de uma árvore artificial, ambos em direção oposta um ao outro. BO-1325 escreve algo em um caderno, enquanto LY-1108 observa algumas pessoas caminhando pelo parque. Outras estão deitadas, tirando um cochilo. Algumas reunidas em pequenos grupos. Ambas levam uma vida tranquila e normal. 


LY-1108

Já reparou como as outras pessoas parecem robozinhos? (BO-1325 não responde) Elas vêm todos os dias a esse mesmo parque, brincam, conversam… como se tivessem vidas normais.


BO-1325

E não tem?


LY-1108

Desde quando neste planeta alguém tem vida normal? (ergue o braço, mostra seu código) Somos segregados em famílias, sendo obrigados a fazer parte de algo que você nem tem o direito de escolha.


BO-1325

E o que tem de mal nisso?


LY-1108

Se você acha isso normal, quem sou pra discordar. 


BO-1325

O que aconteceu com você hoje? (ri)


Fecha o caderno, vai para o outro lado da árvore. Senta-se ao lado de LY-1108, a observa.


BO-1325

Parece que alguém te mordeu pra ter ficado desse jeito?


LY-1108

Sempre fui assim. Porque não volta a anotar em seu caderninho e deixa eu aqui com os meus pensamentos.


BO-1325

Algo realmente mordeu você. (ri) Mas tudo bem, já que você não quer contar, não vou insistir. (encosta na árvore artificial, observa o céu)


LY-1108

Um dia eu quero sair deste planeta. (olha para o céu, na mesma direção que BO-1325) Quero deixar essa galáxia, essa civilização… 


BO-1325

E pra qual lugar do universo você quer ir?


LY-1108

Quero ir pra Terra!


BO-1325

E ir morar em um planeta sem vida?!


LY-1108

Isso é o que eles querem que a gente acredite. (a BO-1325) Vamos ser realistas?! Você acha mesmo que um planeta da dimensão da Terra, tenha deixado de abrigar vida por causa de alguns probleminhas naturais? Se nem mesmo após a extinção dos dinossauros, há milênios atrás, ela não se tornou inabitável, você acredita mesmo que agora ela está? 


BO-1325

Só que devemos levar em conta não só os incidentes naturais, LY. Ocorreram outros fatores que deixaram aquele planeta sem vida. A limitação de recursos, o descontrole desordenado da população, doenças, aquecimento global…


LY-1108

Tá, tá… nem adianta conversar isso com você, que você acredita em tudo o que governo diz.


BO-1325

Mas é a verdade! São os fatos e não se pode dizer o contrário diante disso. É a história da raça humana. Você acha que o governo iria manipular a nossa história?


LY-1108

Você nem imagina do que o governo é capaz.


LY-1108 volta a observar o céu, com uma expressão irritada no rosto. BO-1325 sente um desconforto com aquela conversa. Abre seu caderno de anotações e observa um desenho da Terra na primeira página. 


BO-1325 (v.o.)

Por um lado, a LY-1108 tem uma certa razão. A Terra é um planeta extraordinário. Rico em biodiversidade, com condições únicas para abrigar vida. (fecha o caderno, observa o céu) Dos trilhões de planetas que foram encontrados até o momento, somente dois apresentam todas as condições ideais para prosperar vida. A Terra e Aquares-d. 


CORTA PARA


CENA 04. CASA DA FAMÍLIA “BO”. QUARTO. NOITE. INT.


BO-1325 está sentado na cama, rodeado de anotações.


BO-1325 (cont., v.o.)

Aquares tem um diâmetro de 4.252 quilômetros, um pouco mais de 1/3 do diâmetro da Terra, com seus 12.756,2 km. (mexe em suas anotações) É o quarto planeta rochoso do sistema Libirus. Um sistema binário, com duas anãs amarelas… 


Olha para o teto, ver seu sistema planetário sendo replicado em holograma.


BO-1325 (cont., v.o.)

Juntas, apresentam uma massa equivalente a 68% da massa do sol. Seis planetas rochosos orbitam as duas estrelas, sendo em ordem o primeiro Baren-a, seguido por Terpé-b; Logen-c; Aquares-d; Tauren-e e Sagares-f. 


Conforme falava o nome de cada planeta, um a um era exibido no holograma. 


BO-1325 (cont., v.o.)

Parece que a mágica que ocorreu na Via Láctea… (se atenta a suas anotações) …também ocorreu aqui. A ciência ainda não conseguiu explicar, mas Aquares é um privilegiado semelhante à Terra por está localizado na área habitável e por apresentar os ingredientes necessários para o desenvolvimento da vida. (pega um desenho da Terra) No entanto, apesar de suas semelhanças, Aquares nunca será a Terra. 


Se deita, observa o holograma em seu teto. Os planetas giram lentamente ao redor das estrelas, que também giram entre si.


BO-1325

Quero ouvir mais uma vez, por favor!


A casa começa a tocar Rocket Man, versão instrumental. BO-1325 viaja em meio ao sistema planetário Libirus. 


BO-1325

Troca para o Sistema Solar, casa! Por favor.


O holograma se altera, exibindo o Sistema Solar. Os olhos de BO-1325 viajam de planeta a planeta, até chegar à Terra.


CENA 05. PLANETÁRIO DO SISTEMA SOLAR. DIA. INT.


A turma de BO-1325 está fazendo uma visita ao planetário que reúne todas as informações referente ao Sistema Solar. Imagens, hologramas, vídeos, estátuas… todos os fatos históricos sobre os humanos e o sistema solar estão reunidos aqui.


BO-1325 está parado em frente a um holograma da Terra, com seu caderno de anotações em mãos. Observa fascinado seu planeta favorito. Os demais alunos acompanham um robô-guia, que vai explicando algumas seções. LY-1108 repara o amigo ficando para trás, sorri enquanto caminha até ele.


LY-1108

Mais alguns passos e você está perto de beijar o holograma.


BO-1325

É impossível você não olhar para um planeta como a Terra e não ficar fascinado por ela.


LY-1108

Verdade.


BO-1325

Daria tudo pra ter nascido aqui. 


LY-1108

Aposto que você daria tudo pra fazer uma viagem de bilhões de anos-luz de distância, só para visitá-lo. (ri)


BO-1325

Pode ter certeza que sim. Pena que isso não é possível.


LY-1108 olha disfarçadamente algumas câmeras acima. Vira-se em direção a turma, que está logo a frente. 


LY-1108 

Nunca se sabe, meu caro amigo!


BO-1325 presta atenção em LY e estranha o jeito “saltitante” que ela caminha em direção a turma. Ele se atenta ao holograma da Terra mais uma vez e na sequência segue o grupo de alunos.


CENA 06. PARQUE ATENS. TARDE. EXT.


LY-1108 e BO-1325 estão sentados embaixo da mesma árvore de antes. 


BO-1325

Posso saber por que você saiu tão alegre hoje mais cedo?


LY-1108

Sai?


BO-1325

Saiu sim, que eu vi. Estávamos falando sobre se fosse possível viajarmos até a Terra e você saiu como se soubesse de algo.


LY-1108

Eu não sei disso não.


BO-1325

Qual é? Vai ficar de segredinhos logo comigo? Você sabe muito bem a que tipo de família eu pertenço?! Ser investigativo está no meu DNA. Eu sinto isso no faro. 


LY-1108

Você é chato quando fala desse jeito, sabia?! (vai até o outro lado da árvore) Talvez eu saiba de algo.


BO-1325

Eu sabia! E algo me diz que isso tem a ver com o papo que a gente teve ontem!


LY-1108

Você não nega mesmo a família que nasceu! Sua mãe já tem um belo de um substituto pra colocar no jornal.


BO-1325 ri. LY-1108 observa o céu, fica em silêncio por um tempo. BO-1325 faz a mesma coisa.


BO-1325

Então, vai me contar seu segredo?


LY-1108

O que você faria se soubesse que tem uma forma de voltar pra Terra?


BO-1325 fica em silêncio, percebe a seriedade no tom de voz dela. 


BO-1325

Descobriu como viajar no tempo foi? (ri, olha para o céu) Por que só viajando para o passado pra pisarmos lá novamente.


LY-1108 (interrompe)

Tá vendo como é impossível compartilhar algo com você. (se levanta) Você é muito refém ao que “eles” dizem. Mas vou lhe dar um voto de confiança. (caminha até BO-1325) Amanhã no colégio vou te apresentar alguém.


LY-1108 vai embora. BO-1325 a observa, instigado com tanto mistério vindo de sua amiga.


CENA 07. CASA DA FAMÍLIA “BO”. QUARTO. NOITE. INT.


BO-1325 continua intrigado. Está deitado em sua cama, observando um grande holograma do planeta Terra. 


BO-1325 (v.o.)

Segundo os relatos atuais fornecidos pela própria ciência e pelo governo, é praticamente impossível visitar a Terra. Então porque estou com essa inquietação aqui dentro? (esfrega seu peito) Será meu instinto investigativo falando mais alto?


Se senta na cama, o holograma é encerrado.


CASA

Algum problema, BO?


BO-1325

Casa, qual a probabilidade de ainda existirem humanos na Terra?


CASA

Nenhuma!


BO-1325

Quero uma resposta técnica e científica, casa. Com dados concretos e matematicamente falando, qual a probabilidade exata, de ainda ser possível existir vida na Terra?


CASA

Um momento. Calculando os dados. (após um segundo) Com base em todas as estimativas atuais, senhor, a probabilidade continua sendo zero.


Várias fórmulas são exibidas no teto. Assim como imagens do planeta Terra completamente seco e sem vida.


CASA

Após perder a sua atmosfera, a Terra começou a ser bombardeada por radiações ultravioletas vinda do Sol. Sem a sua proteção natural, o planeta assim como a toda vida pertencente nele, começou a morrer. Plantas, animais, todos desapareceram. O planeta que antes apresentava uma fertilidade invejável, ficou estéril. Nada cresce, nada vive. 


Imagens de árvores mortas, fósseis de animais, rios secos e desertos gigantes são exibidas.


BO-1325

Como que os humanos deixaram isso acontecer com o lar deles?


CASA

Vários alertas foram mostrados durante anos, mas a ambição do homem ignorava todos. Ao menos, a civilização atual parece que aprendeu com os erros do passado e tem cuidado melhor do planeta que vivemos. Tudo vem sendo consumido em equilíbrio. 


Imagens de Aquares são exibidas, assim como o novo estilo de vida da civilização.


BO-1325

Pelo menos isso. (se deita)


CASA

Por que esses questionamentos agora?


BO-1325

Por nada. Só queria realmente ter certeza de que era impossível pisar na Terra novamente.


Observa Aquares sendo projetado em seu teto, fica com uma expressão séria no rosto.


CENA 08. UNIDADE DE ENSINO CELIUS-2. SALA DE AULA. DIA. INT.


BO-1325 está na sala lendo algumas notícias no display de sua mesa. Mostra-se duas imagens lado a lado, uma da Terra e outra de Aquares. Ele as observa, com uma expressão incerta no rosto. LY-1108 entra na sala, com HU-1193 atrás dela. 


LY-1108

Achei você. Quero te apresentar o HU-1193. Ele é da família HU, especialistas em criação de espaçonaves e essas coisas.


BO-1325 

Eu conheço a história da família HU! (desliga o display da mesa) As espaçonaves que sua família cria, os pilotos que já realizaram grandes viagens de exploração ao redor de nossa galáxia. Sua família é muito importante para a nossa civilização. Prazer, me chamo BO-1325. (mostra seu código no pulso)


LY-1108

Ele me contou algo, que você não irá acreditar.


BO-1325

O que?


LY-1108

Anda, conta pra ele. 


HU-1193 se aproxima de BO-1325. Olha cuidadosamente ao redor, verifica se não tem ninguém olhando.


HU-1193

O que você faria se pudesse ir pra Terra?


BO-1325 (ri)

Essa história não, pessoal. Isso é impossível. Estava justamente pesquisando aqui e…/


HU-1193

Não adianta você pesquisar ou questionar algo para a sua casa. Isso tudo está programado para dizer a mesma parada. Sabe por quê? Porque “eles” querem que todos acreditem nisso.


BO-1325

E agora vem a história do governo?!


LY-1108

Mostra pra ele o vídeo que você me mostrou.


BO-1325

Que vídeo?


HU-1193

Aqui não. É perigoso. 


LY-1108

Quando você vê, quero saber se não vai mudar de opinião.


BO-1325

Gente, não adianta. Os dados científicos são claros. Nunca mais um humano vai pisar na Terra.


HU-1193

Você é cabeça dura, hein! Será que é de família isso?! (se afasta dele)


LY-1108

Eu falei! Mas isso tudo não é culpa dele. É apenas os genes de sua família falando mais alto. Ele se apega muito aos dados. Então, até uma prova bem mais consistente não aparecer pra colocar em xeque essa teoria toda, ele não irá acreditar.


HU-1193

Se ele quer provas, eu tenho as provas.


BO-1325

Ah, é? Então me mostra. Quero ver o que você tem pra sustentar essa sua teoria.


HU-1193

Como eu falei, aqui não é um lugar seguro. Somos vigiados até nas nossas próprias casas, aqui não seria diferente. Mas se você realmente quer saber a verdade, me encontre na zona limite da cidade depois da aula. Lá eu mostro as provas pra você.


BO-1325

Isso só pode ser brincadeira. (ri) Primeiro vocês me vêm com uma história de que é possível ir pra Terra, e agora querem que eu vá até a zona limite da cidade?! Se nos pegam andando no limite da cidade, vocês têm ideia do que vão fazer com a gente? É capaz de apagarem nossos códigos.


HU-1193

Além de cabeça dura, é medroso também? (a LY-1108) Pensei que você tinha me dito que ele era legal.


LY-1108

A decisão está contigo, BO. Eu vou e se você quer continuar sendo manipulado, fique à vontade. Mas eu quero ser livre e sair desse planeta. 


LY-1108 e HU-1193 saem da sala. BO-1325 fica pensativo após a saída deles. 


CENA 09. FLORESTA. TARDE. EXT.


Legenda: Zona Limite da Cidade.


BO-1325 caminha por uma trilha até o limite da cidade. Alguns metros à sua frente, observa placas de alerta. Ele para de andar imediatamente. Olha ao redor completamente tenso. 


BO-1325

LY? HU? (tom alto) Onde estão vocês? 


Ninguém responde. BO-1325 fica nervoso. Vira-se para ir embora, quando a LY-1108 surge de trás de uma árvore.


LY-1108

Estou aqui! (acena)


BO-1325 fica aliviado ao vê-la. Vai em sua direção.


BO-1325

O que está fazendo aí?


LY-1108

HU pediu que eu ficasse aqui. 


BO-1325

De onde vocês se conhecem mesmo? 


LY-1108

Do colégio, de onde mais seria?!


BO-1325

Estranho, nunca vi vocês dois juntos antes. 


HU aparece logo atrás dele.


HU-1193

Vocês vieram, então!


LY-1108 (animada)

Eu não perderia esse momento por nada.


HU-1193 (a BO-1325)

Estou feliz que tenha vindo também. Vem, o caminho é por aqui. 


HU-1193 entra em meio a floresta. LY-1108 imediatamente o segue. BO-1325 continua parado ao lado da árvore. Olha para a trilha atrás dele, com vontade de ir embora.


LY-1108 (grita)

Vai ficar pra trás se não andar logo!


Vendo que LY-1108 está bem distante, BO-1325 acaba indo atrás dela.


CENA 10. LOCAL ABANDONADO. TARDE. INT.


Os garotos entram em um pequeno cômodo de madeira, completamente vazio. BO-1325 olha ao redor, se questiona o que HU-1193 poderia mostrar naquele lugar.


BO-1325

É aqui o tal lugar secreto?


HU-1193

Ainda não. Mas, estamos quase lá.


Caminha até o fundo do local, puxa um longo carpete denso e empoeirado do chão. Revela uma passagem secreta.


HU-1193 (sorri)

Vamos lá? 


Puxa o alçapão de madeira, revelando uma escada em seu interior.


BO-1325 (preocupado)

Nós vamos entrar aí?


HU-1193

Qual é? Vai me dizer que tem medo do escuro agora? (desce as escadas)


LY-1108 (animada)

Nossa, eu tô louca pra ver o que tem lá dentro. 


Caminha até a passagem, BO-1325 a segura pelo braço.


BO-1325 (preocupado)

Você vai entrar naquilo? Não sabemos quem é esse cara. Você realmente confia nele, LY?


LY-1108

Já viemos até aqui e eu não vou voltar atrás justo agora. (BO-1325 solta o braço dela) Se você quiser voltar, vá em frente. Mas eu vou continuar. 


Segue o caminho em direção a passagem secreta. HU-1193 ajuda LY-1108 a descer. BO-1325 os observa, achando tudo um grande erro. 


HU-1193

Cara, eu te entendo, de verdade. Sua família é muito certinha, segue um bando de protocolos e regras. Então tudo bem se você não quiser continuar daqui. Eu só peço que você não revele a localização deste local, beleza? O que tem lá embaixo é muito valioso pra nós, e não desejamos que o governo ponha as mãos nisso. Até mais!


Desce em definitivo na passagem. BO-1325 continua parado no centro da sala, completamente confuso. Olha para todo o cômodo vazio, se questiona o que aquele lugar abandonado pode esconder de tão valioso. A sua curiosidade o faz se mover, indo em direção a passagem secreta.


BO-1325

Ainda vou me arrepender de fazer isso. 


Desce a escada, puxa o alçapão fechando a passagem. 


CENA 11. OBSERVATÓRIO CASULO. SALA DE MONITORAMENTO. TARDE. INT.


SONOPLASTIA: BITTER SWEET SYMPHONY (INSTRUMENTAL)/ THE VERVE


BO-1325 entra em uma sala ampla, iluminada e repleta de tecnologia. Seus olhos se arregalam ao vislumbrar tudo aquilo. Vários painéis de controle e monitores espalhados por todos os lados. Vê LY-1108 e HU-1193 próximos a uma mesa grande, projetando o planeta Terra em um tamanho que ele jamais havia visto. Calmamente, caminha até a mesa e vê LY-1108 sorrindo em sua direção. HU-1193 está do outro lado, também feliz por tê-lo ali. Atrás do holograma, ele vê a cintura de uma outra pessoa. A projeção da Terra desaparece, revelando ER-1241 na ponta da mesa.


ER-1241 (sorri)

Sejam bem-vindos! Se HU-1193 trouxe vocês até aqui, é porque certamente compartilhamos o mesmo pensamento.


BO-1325 o observa, ainda fascinado com todo aquele lugar a sua volta.


ER-1241

Espero contar com o apoio de todos vocês pra que possamos provar que o lar que um dia foi dos seres humanos ainda se mantém vivo. 


Toca no display da mesa e um vídeo de uma garota é projetado. É a mesma garota do início do episódio. 


ER-1241 

E que ainda há seres humanos vivendo por lá. 


O rosto da garota é revelado no vídeo. Esbelta, olhos castanhos, cabelos longos e cacheados. BO-1325 fica boquiaberto ao vê-la e não consegue parar de olhar pra ela. O vídeo é pausado dando destaque ao rosto da garota. E do ângulo que se encontra, parece que ela está olhando diretamente para BO-1325.

 

FIM DO EPISÓDIO.

 

CURIOSIDADE:
Em Aquares, a população nasce com um rótulo tatuado em seu pulso. Cada família é separada com base nesse rótulo, assim como as características e habilidades que cada indivíduo terá. O sexo é definido com base no código genético, sendo ímpar o indivíduo do sexo masculino e par do sexo feminino. A altura média de um humano adulto da Terra era em torno de 1,8m para homens e 1,6m para mulheres. A altura média de um humano adulto em Aquares, é em torno de 2,0m para homens e 1,8m para mulheres.

A Widcyber está devidamente autorizada pelo autor(a) para publicar este conteúdo. Não copie ou distribua conteúdos originais sem obter os direitos, plágio é crime.

LEIA MAIS DESTE CONTEÚDO:

    • Muito obrigado, Well!
      Receber todos esses feedbacks tem sido muito gratificante. Tinha um certo receio de confundir um pouco os leitores com esses nomes, mas parece que tudo está seguindo bem kkk. Estou feliz por isso!

  • Pesquisa de satisfação: Nos ajude a entender como estamos nos saindo por aqui.

    >
    Rolar para o topo