Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on tumblr

Formato Original
Débora Costa

Apresentação
Henzo Viturino, Lyvia Peroba,
Marcelo Delpkin e Melqui Rodrigues

Direção
Wellyngton Vianna


 

PAPO COM O HENZO 

Boa noite queridos leitores! Está começando mais um Cyber Show e hoje, infelizmente, sem a presença da Débora Costa. Ela se desligou da Cyber TV e deixou o Cyber Show nas nossas mãos, já estamos com saudades! Hoje estou aqui para assumir o lugar dela no quadro Bate-Papo e espero que consiga fazer tão bem quanto, o novo nome do quadro é Papo com o Henzo. Para a primeira edição eu conversei um pouquinho com Hugo Martins, autor do sucesso “Incognoscível”, exibido aqui na Cyber esse ano mesmo. Ficou curioso? Então vamos nessa!

1) Hugo, de onde surgiu a ideia de criar Incognoscível?

Incognoscível inicialmente tinha a premissa de mostrar que o diálogo é fundamental pra saúde das relações. Pra isso eu criei Licurgo, um homem silencioso e cheio de mistérios. Pra dar contraste à personalidade do protagonista, surge Jade, uma mulher comunicativa e de certa forma altiva. Mas, a premissa original foi transformada quando eu observei o comportamento do Licurgo. Era visível que meu personagem estava doente. Uma doença que corroía seu espírito silenciosamente. Ele simplesmente era metódico ao extremo, tinha mania de limpeza e em uma das primeiras cenas, é possível ver o personagem em um banho querendo limpar a alma. Então, tudo isso demonstrava a carga de culpa que ele carregava. A culpa de ser vítima de abusos pela própria família.

Detectando esse espírito doentio, a trama ganhou os contornos de loucura e absurdos que se seguiram.

2) Pelo que fiquei sabendo você já prepara uma segunda temporada, o que pode nos adiantar?

Não posso adiantar muita coisa por que tá tudo ainda muito conturbado na minha cabeça. Sei que as coisas vão se esclarecer quando começar a escrever de fato. Mas, isso só vai acontecer nas minhas férias em dezembro. Mas, o que dá pra afirmar é que Tibauth será o novo protagonista. Ele irá retornar para o lar e ser confrontado com seus próprios fantasmas. O que aguarda o Tibauth nesse retorno? Só em 2019! Mas, de uma coisa eu sei, a história vai ter muitas surpresas e viradas. Tudo no estilo sombrio e macabro que já virou marca dessa série.

3) E é verdade que você e o Francisco, autor de Eu, Kadu, pretendem estrear juntos?

Existe essa pretensão sim. Inclusive já falamos com Welligton sobre estrearmos no mesmo período, e ele anuiu de imediato. Essa proposta de parceria, veio da ótima experiência que tivemos no meio do ano, quando quase que simultaneamente apresentamos nossas obras ao mundo. Foi um período muito bom, pois sempre estávamos debatendo as obras, xingando personagens e situações e mantendo uma boa interação nos grupos. Então, pretendemos voltar sim, mas não é uma imposição. Se eu e o Francisco conseguirmos concluir os episódios ou não estiver satisfeito com a obra, ela pode ser adiada ou até mesmo adiantada. Não há um contrato formal, mas um desejo de parceria que acredito que será agradável de ver.

4) Incognoscível marcou sua estreia no MV, então suponho que você seja novo por aqui, assim como eu. O que achou da repercussão da sua primeira web série, que bombou em audiência e chegou a vencer o sucesso “Eu, Kadu”?

Bom, amigos vale ressaltar, nessas oportunidades que a vida nos dá de falar, que eu acho interessante a questão da audiência em si. É legal saber que a galera tá curtindo o que tu escreve e tals, mas eu, particularmente, não meço a qualidade da obra pelo número de visualizações. Enxergo primeiro o critério da escrita 1) Se o texto é claro, limpo, se não tem erros grotescos de ortografia, se tem coesão e coerência. Depois 2) Se os personagens são críveis, empáticos e sinceros e por último se a história me faz refletir, se existe algo que me faça pensar depois de ter lido. Então, se eu tô gostando do que escrevo, tô me divertindo e de certa forma tentando alcançar esses critérios acima citados, eu julgo o texto como bom ou ruim. Isso é o meu julgamento. Destarte, não vejo como um grande sucesso. Teve uma repercussão sim. Mas, eu vejo no texto muitos erros que talvez hoje não cometeria. Digo talvez, pois a gente erra sem perceber.

E sobre a série Eu, Kadu não enxergo como uma disputa entre quem venceu ou não. O Francisco tem um excelente texto, um personagem carismático e vivo. Escreve anos luz mais do que eu. Então, não a questão da audiência não é algo que me deslumbra. Sempre haverá quem leia o que você escreve. E sempre haverá pontos pra melhorar. Então, é isso.

5) Fiquei sabendo também que você tem um novo projeto de série que já está escrevendo, que se chama As Melhores Escolhas. O que você pode nos adiantar sobre essa obra?

Eu tenho um carinho especial por essa história. Ela me lembra meu interior, as coisas simples das cidades pequenas. Os conflitos entre vizinhos, a cooperação, o sentimento de que realmente pertencemos a uma comunidade. Vocês vão conhecer Luccas e seus amigos. Vão conhecer a mãe do Luccas e os vizinhos do bairro das mangueiras. Vão passear na praça das mangueiras e curtir conflitos tão singelos, mas profundamente verdadeiros. Jovens buscando um lugar ao sol. Sonhos, frustrações, amores, ódios e a celebração da amizade. As melhores escolhas é uma trilha arborizada onde o vento refresca as histórias da vida. É ver pra ler.

6) E sobre o seu conto da série “00:00”, o que pode nos adiantar? Não precisa ser muita coisa, sabemos que tudo é secreto haha.

Estrada do Medo é paralisante. Sempre tento passar a história do ponto de vista dos personagens. Então , o que posso adiantar é que em uma estrada deserta no meio da noite, não haverá oxigênio, mas sobrará angústia, pernas despedaçadas, gritos abafados e muito medo. Dia 11 de dezembro na tela da CyberTV.

7) Vamos agora para o bate-bola.

Um Filme? Divertidamente

Uma Cor? Azul 

Um Lugar? Minha cabeça

Cantor (a)? Rachel Novaes

Ator (Atriz)? Patrícia Pilar

Inspiração? Deus

Sonho? Ser pai

Uma Palavra que te defina? Perdão

8) Muito obrigado pela sua participação, agora você pode dizer o que quiser aos leitores, fica o espaço para as considerações finais.

Não quero dizer nada. Já disse tudo. Cansado disso tudo. Não tô ganhando nada com isso. Tudo nesse MV é voluntário. Eu preciso cobrar cachê! Acho que tô atraindo audiência! Não? Ah, desculpa! Durmam, acordem, durmam de novo, pra acordar novamente. Sabe pra quêisso? Pra não ficar cansado é claro! Ô conselho! Então é isso. Eu só quero que o mar pegue fogo. Eu tô afim de comer peixe assado. Tchau! Até! Tchaaaaau! Ainda tá aí? Não acredito! Como você é paciente! Parabéns. Porque nem eu me aguento! Sorria! A vida é uma… A vida é uma… Exatamente. Isso mesmo que você pensou. Espero que tenha pensado em coisas boas. Comenta aí o que você pensou que a vida é! Comenta aí embaixo! Tchau! Agora é de veras. Quero ver seu comentário.

🙂

 

O primeiro papo com o Henzo fica por aqui, mas semana que vem tem muito mais! E agora não sai daí que ainda vem muita coisa boa pela frente!

 

PROPAGANDA

Nessa terça, às 00:00h…

 

MUNDO DAS NOVELAS

 

Henzo Viturino de novo… Pensaram que tinham se livrado de mim por hoje? Pensaram errado. Chegou a hora de falar sobre as novelas mais queridas dos brasileiros… Preparados? Então vamos nessa!

O Sétimo Guardião estreou a pouco tempo e já causou muita polêmica, Cristina Ravela que o diga… Nessa semana muitas coisas aconteceram… Fonte do Resumo: Gshow – gshow.globo.com

Luz e Gabriel ouvem a voz de Sóstenes e se afastam. Ypiranga inicia a obra no casarão, e Marilda se preocupa. Sampaio questiona Milu sobre um possível tesouro e ela comenta com os outros guardiães. Ondina manda Stefânia seduzir Sampaio. Leonardo filma Sampaio sem que ele perceba. Marilda se banha na fonte secreta e foge ao ouvir Egídio se aproximar, deixando um rastro pelo chão. Ypiranga encontra as roupas de Marilda. Sampaio aborda Feliciano na rua. Geandro pega o carro de Júnior para ajudar Luz e Gabriel. Todos na cidade comentam sobre o desaparecimento de Marilda. Lourdes Maria ouve Geandro falando com Luz sobre Gabriel e decide se esconder no carro de Júnior. O delegado diz a Eurico que Marilda pode ter sido sequestrada. Geandro descobre que Gabriel é seu primo, e Lourdes Maria ouve toda a conversa. Gabriel fica perturbado com as notícias sobre ele e decide voltar para São Paulo.

De seu esconderijo no casarão, Marilda observa os operários. Leonardo filma León caminhando no telhado. Luz tenta convencer Gabriel a ficar em Serro Azul. Sóstenes sugere que Geandro conte a história de Valentina para Gabriel. Leonardo liberta Lourdes Maria. Ondina convida Sampaio para ir a seu cabaré. Geandro faz um acordo com Lourdes Maria. Marilda sai de seu esconderijo, e Fabim acorda e a vê. Leonardo registra a primeira-dama saindo nua do casarão. Ondina manda Stefânia agradar Sampaio. León dorme aninhado em Luz, que sonha com Gabriel. Marilda chega em casa e todos se espantam com seu estado. Patrício vê Bebeto dançando na rua e fica fascinado. Afrodite descobre um segredo de Diana e esconde de Nicolau. Eurico avisa ao delegado sobre o retorno de Marilda. Sampaio não deixa Stefânia tirar sua roupa, e Ondina decide agir. Luz se despede de Gabriel. Lourdes Maria procura Geandro. Valentina se surpreende quando Olavo diz que presenteará Laura com a sua empresa.

Valentina ironiza o comunicado de Olavo. Gabriel reclama da demora da conversa entre Lourdes Maria e Geandro. Luz faz uma proposta para Lourdes Maria manter o segredo de Gabriel. Luz decide desabafar com Elisa. O delegado encerra a investigação sobre o sumiço de Marilda. Leonardo revê o vídeo que fez de Marilda. León segue o carro onde Gabriel está. Marilda fala com Fabim, que não a reconhece. Robério ouve a conversa que Judith tem com Egídio sobre o invasor da fonte. Scarlet ajuda Marilda a recuperar a garrafa com a água da fonte. Gabriel passa mal na entrada de Serro Azul e não consegue deixar a cidade. Luz tem uma visão, mas não comenta com Elisa. Gabriel vê em León a marca que tem nas costas. Louise alerta Valentina sobre Gabriel. Olavo e Laura escutam a conversa e exigem saber o paradeiro de Gabriel. Afrodite mente para Nicolau por causa de Diana. Valentina manda Louise procurar Marilda. Luz recebe Gabriel de volta.

Sóstenes diz a Geandro que Gabriel continuará em sua casa. Luz revela a Gabriel o sonho que teve antes de sua partida. Atalla conversa com Afrodite sobre Diana. Milu mostra a Ondina o desenho da marca do último guardião. Feliciano desconversa quando Nicolau fala sobre o tesouro. Afrodite se emociona vendo Diana, e Atalla insiste que ela deixe a filha treinar caratê. Feijão desiste de maltratar León. Geandro conversa com Lourdes Maria na igreja. Louise vê o carro em que Gabriel estava na casa de Marilda e fala para Valentina, que decide antecipar sua ida a Serro Azul. Os guardiães conversam sobre a missão de Ondina com Sampaio. Gabriel defende Luz de Júnior, que é obrigado por Sóstenes a ir embora. Geandro se preocupa com a irritação do irmão, quando tenta falar com ele sobre Lourdes Maria. Ondina se anima quando Sampaio chega ao cabaré. Valentina convida Laura para ir com ela a Serro Azul.

Laura decide ir para Serro Azul com Olavo. Padre Ramiro sofre um acidente na estrada. Júnior se embriaga no cabaré e implica com Adamastor. Ondina conversa com Sampaio. Maltoni vai à casa do delegado, que se apressa para esconder seu segredo. Aranha cuida de Padre Ramiro. Mirtes fica intrigada com parte da roupa íntima que vê no delegado. Júnior ataca Adamastor e exige a presença de Luz. Eurico e Marilda não acreditam na história de Katiucha. Gabriel tenta ir com Luz ao cabaré, mas é impedido por León. Sampaio agride Luciana. Ondina enfrenta Eurico e Marilda. Robério flagra Sampaio observando a casa de Egídio e marca um encontro com ele. Gabriel questiona Luz sobre Egídio. Geandro conversa com Júnior sobre Lourdes Maria. Sampaio aborda Louise. Luz se surpreende ao ver que Gabriel saiu de casa sozinho. Sampaio tenta encontrar o corpo de Gabriel. Geandro leva Gabriel à casa de Egídio, e o rapaz perde os sentidos.

Egídio se preocupa com Gabriel, e Judith estranha quando seu patrão convida o rapaz para entrar em sua casa. Tobias e Clotilde conversam com Ypiranga sobre as obras do casarão. Sampaio descobre que a marca que Ondina procura em seu corpo é a mesma que Gabriel possui. Mirtes invade a casa de Cássia sem que ninguém veja. Sampaio se encontra com Robério. Atalla aparece em Serro Azul e Afrodite se preocupa. Júnior oferece carona para Lourdes Maria. Os guardiães se reúnem para discutir o que fazer com Sampaio. Robério conta o que sabe sobre Egídio para Sampaio. Gabriel recupera a memória. Valentina manda Louise arrumar suas malas para viajar. Gabriel revela a Luz que já sabe o motivo de sua ida para Serro Azul.

Vamos agora para o Giro Rápido das outras novelas…

Será o que mais movimentou a novela das 7? Não foi a Betina não, meu povo! Foi o Emílio… Espera, com ele conseguiu movimentar a semana tida se morreu na segunda? Eu disse Emílio? Me Perdoe! Eu quis dizer o irmão gêmeo dele meu povo… Isso mesmo, o vilão morreu depois de ser picado por uma cobra (não foi a Betina, tá?) e de repente o seu irmão gêmeo aparece no velório… Dá pra acreditar?

E na lentidão (novela) das 6? O que aconteceu de mais importante? Cris/Júlia descobriu que a mãe de Gustavo é Margot no presente, quanta coisa hein? Hahaha.

O Mundo das Novelas de hoje tá ficando por aqui, mas na próxima semana voltamos com tudo. Continuem acompanhando o programa! *Vocês perceberam que o quadro está diferente? A partir de agora ele será assim: uma novela terá todo o seu resumo postado e as outras apenas os principais acontecimentos!

 

 

Olá, leitor(a)! O De Olho na CyberTV está no ar. Devido a alguns imprevistos, o debate sobre “A Região Nordeste e a dramaturgia” será adiado para o programa de 23 de dezembro. No lugar, trago uma entrevista que fiz com o escritor Geraldo Medeiros Jr, nome muito conhecido aqui da CyberTV. Ele é autor de histórias como Nano, Removidos e O Dia da Faxina. Let’s go, people!

1) Como começou seu interesse pela leitura e pela escrita?
Meu interesse pela literatura começou aos 9 anos. Escrevia “teorias” malucas evolucionistas. Simplesmente inventava o que aconteceria com determinada espécie de animais num determinado período de tempo. Um dia, minha mãe coletou os papéis que escrevia e mandou encadernar. Foi quando vi meu primeiro livro. Achei o máximo. A partir daí, passei a ler muita coisa especialmente ficção científica. E foi assim até os 23 anos quando escrevi meu primeiro livro. A partir daí não parei mais.

2) Conta um pouco sobre seu primeiro livro. Como se chama e qual é o tema?
Na verdade minha vida literária se divide em duas partes. A primeira, como escritor de livros científicos. A segunda, como autor-escritor ficcional. Quanto a esta segunda parte, meu primeiro livro foi uma ficção infanto-juvenil lançada em 2011 cujo título é Nathan e o Portal. Muito bacana por sinal. Este livro deflagrou vários outros.

3) Como é sua rotina ao escrever? Ouve música, prefere o silêncio, escreve de dia ou de noite…?
Sou bastante rígido quanto a minha rotina de escrita. Acordo as 6 da manhã. Inicio a escrita as 6:30 e vou até ao meio dia. Escrevo em silêncio. Paro duas horas e reinicio as 14. Vou até as 17hs com pequenos intervalos. Mas se tenho que sair, levo um bloco de papel onde escrevo ideias. Aliás, primeiro escrevo meus livros ou contos a mão. Depois é que digito. Afasto-me do texto por 60 dias e depois reviso. É assim faço até ficar contente com o resultado. Já quando escrevo roteiros é um pouco diferente. O ritmo é outro.

4) Como é o ritmo em relação aos roteiros?
Começa pela linguagem. Não se aplica a linguagem literária ao roteiro. Precisamos transformar emoções em imagens. O ritmo é outro. Roteiros eu escrevo em programas específicos. Primeiro é a storyline. Depois que eu consigo contar a história em duas linhas, desenvolvo o argumento. Este é discutido a exaustão. Depois, a criação da escaleta é só depois vem o roteiro em si. Depois de várias discussões com diretores e atores vem os tratamentos. Alguns roteiros chegam a ser tratados mais de 10 vezes. E por aí vai.

5) Como você chegou à CyberTV?
Fui apresentado à Cyber pela amiga escritora Cainara Biondo. Achei interessante a proposta da plataforma e migrei da Wattpad para lá. A melhor escolha que fiz.

6) Agora você está no ar com três séries completamente diferentes, na CyberTV: Nano, O Dia da Faxina e Removidos (duas recém-encerradas). Que diferenças e semelhanças você cita entre as três obras?
Além dos contos, lancei 3 minisséries. A aceitação foi além do que esperava. Fiquei feliz. As diferenças entre elas são bem claras. A começar com o gênero: O Dia da Faxina é uma espécie de romance policial no qual o protagonista, tendo sua vida devastada por um criminoso, resolve se vingar. Arquiteta um plano bastante estranho para ameaçar o mundo do crime. Já a série Removidos, trata-se de uma ficção científica a qual denomino como ficção-psicológica. Algo bastante intrigante acontece com o personagem após ter sido abduzido. Nano, por sua vez, é uma espécie de alerta quanto ao uso indiscriminado da tecnologia. A amortalidade torna-se uma realidade, mas tudo tem um preço. Quanto as semelhanças, não consigo visualizar uma que seja importante. Cada história tem seu próprio DNA.

7) Que diferenças você cita entre o Wattpad e a CyberTV?
Há grandes diferenças: Wattpad, apesar de serem grandes, ao entrar com sua obra, você se torna mais um. Há uma grande barreira, uma espécie de descriminação entre os autores de língua inglesa e os de língua portuguesa. Os recursos disponíveis para quem é americano e/ou canadense não são os mesmos para que é brasileiro. Na Cyber, além de recebermos uma atenção especial, há um trabalho de arte sem custo algum para o autor, e algo muito importante: respeito. Vejo na Cyber uma plataforma cheia de vontade de crescer e potencial para isso. Num futuro muito próximo, esta plataforma se tornará um streamer semelhante ou até melhor que a Netflix. E o melhor: aproveitará os talentos de escritores tão maravilhosos que fazem parte de seu menu de entretenimento.

8) Vamos falar sobre o leitor. Quais são seus escritores e livros favoritos?
Escritores dos quais sou fã são vários. Sem mencionar os clássicos para não ser comum, leio autores brasileiros contemporâneos, especialmente os emergentes. Existe muita gente boa, talentosa, que deveria fazer parte do hall da fama. No entanto, por uma questão “comercial” e de interesses, permanecem na obscuridade. Poderia citar vários deles aqui a começar pela Cainara Biondo com seu livro Segredos Mortais, Futuro! de Roberto Fiori, Asan Quo de Richard Prieto e todos os autores da Cyber que disponibilizam gratuitamente suas obras primas de extrema qualidade.

9) Fale sobre seus projetos para 2019.
São vários. Tenho em mente lançar duas peças de teatro. Duas séries para TV, uma para web. Para cinema são dois curtas e um longa. E já dar início a um livro que há muito tenho pesquisado. Pretendo lançar um também que já está no prelo. Vontade de escrever é que não falta.

10) Deixe seu recado para os leitores do Cyber Show.
Para aqueles que gostam de escrever: façam isso sem pudor. Escrevam e leiam bastante. Não tenham medo de expor suas obras. Para os leitores: Façam parte da família Cyber. Divulguem esta plataforma cujo objetivo é divulgar de maneira inovadora a leitura. Gratuitamente!, vejam só.

Agradeço enormemente pela sua participação, Geraldo! Espero tê-lo mais vezes por aqui. Anote, leitor(a): Nano vai ao ar às segundas e quintas-feiras às 23h. Fique agora com o quadro do Melqui. 😉

 

     

Fala galerinha, aqui quem fala é o Melqui Rodrigues e está começando mais uma edição do “Séries e outros Vícios” aqui no Cyber Show.

E hoje vamos mais uma vez colocar em pauta algo que não está no cinema e nem na TV, e sim na internet. Na semana passada fiz a resenha da web-série literária do nosso amigo e grande escritor Geraldo Medeiros, “O Dia da Faxina”, e agora vamos falar de um curta-metragem brasiliense recém-lançado, é isso mesmo galera… Seu nome é “Sentença Oculta”.

 

 

Produzido pela Oxelino Produções, “Sentença Oculta” conta a história da detetive Jéssica Muller (Bianca Costa) que está investigando um assassinato, e para isso lhe apetece interrogar José (João Prates) que até então é o seu principal suspeito.

O curta independente trouxe toda a atmosfera que todo bom suspense conseguiria trazer num ritmo bem contundente e sem enrolação. O filme nos faz imaginar e/ou esperar uma coisa e de repente acontece uma tremenda reviravolta no roteiro que altera todo o percurso do jogo fazendo explodir nossas mentes.

Apesar de no comecinho um determinado plano de câmera não tenha favorecido tanto os atores em cena (nada que tenha prejudicado o filme), a proposta em si nos surpreende. Sobre os atores principais tenho total propriedade de falar sobre eles, pois os conheço pessoalmente (exatamente, aceitem!).

 

 

João Prates que interpreta o suspeito “José” quase sempre era exposto à quarta parede em cena, o que intimidava quem estava assistindo, o sorriso sarcástico do personagem vivificava ainda mais a trama.

 

 

Na contrapartida vemos Bianca Costa na pele de Jéssica Muller, sua personagem demonstra força e segurança, mas ela é praticamente “desarmada” pelas afrontas do suspeito. A transição entre a Jéssica dos primeiros minutos com a Jéssica dos minutos finais do curta foi surpreendente, e muito bem interpretado pela atriz.

Uma curiosidade é que esse curta topou o desafio de ser feito tudo em 72 horas, é isso mesmo meus amigos! Em 72 horas tivemos um mini-filme rápido, coerente, e muito mais eficaz que outros filmes de longa-metragem aí que demora anos para serem feitos (desculpa aí a indireta Avatar 2). Pra você que está afim de assistir uma coisa rápida pela internet, mas que te prenda e te deixe horas pensando feito um louco, vai aí essa indicação.

 Nota: 8,8

 

 

E o “Séries e outros Vícios” fica por aqui e até a próxima edição.

 


Olá leitoras e leitores do Cyber Show, sou Lyvia Peroba, e o quadro Mundo Latino de hoje vai falar sobre a carreira da cantora mexicana Thalia, a madrinha do nosso quadro.

 

 

Piel Morena (1994)

https://www.youtube.com/watch?v=D4sS–TZIhk

 

 

Thalia, ficou conhecida pelos fãs das novelas mexicanas aqui no Brasil, pela trilogia das Marias, (Maria Mercedes, Maria do Bairro e Marimar) e também Rosalinda , porém, destacamos que nesse quadro terá o foco na carreira musical dessa diva latina.

Ariadna Thalía Sodi Miranda, ou simplesmente Thalia, nasceu em 26 de agosto de 1971 na Cidade do México. Sua carreira começou como atriz interpretando pequenos papeis nas novelas da televisa até chegar ao sucesso das Marias e Rosalinda. Ela também é meio-irmã da atriz Laura Zapata.

 

 

 

Thalia além de poliglota foi a primeira e a única mexicana em ter uma estrela na calçada da fama em Hollywood. É conhecida como a “Rainha do pop latino”. Ela vendeu mais de 50 milhões de discos a tornando uma das artistas latinas a vender discos em todo mundo.

A carreira musical da cantora começou nos anos 80 no grupo juvenil chamado de Timbiriche.

 

Asi no es Ahora (Timbiriche)

https://www.youtube.com/watch?v=FDk3YpoZMrc

 

 

 

 

Com o final do grupo Timbiriche, Thalia no início dos anos 90 iniciou sua carreira solo, tendo como os sucessos “Gracias a Dios” (1994).

 

 

 

 

 

 

 

Nos anos 2000, Thalia buscou novos ares apostando em sua carreira internacional nos Estados Unidos.

 

 

Arrasando (2000)

 

 

I want you (2003), parceria com o rap Fat Joe. Fez parte da trilha sonora de uma das temporadas da novela Malhação (Rede Globo)

 

 

 

 

 

 

Outros sucessos da cantora Thalia como Ten Paciencia (2008).

 

 

 

 

 

Thalia fez um dueto com o cantor brasileiro Daniel, na versão de Estou Apaixonado (2014)

 

 

 

 

E a recente música “Lento” (2018), trazendo misturas de ritmos latinos como o reggaeton.

 

 

 

Obs. Os vídeos utilizados neste quadro são propriedades do site Youtube.

 

 

 

Por hoje é só pessoal, espero que tenham gostado do programa. Besos!

 

 

 

LEIA MAIS DESTE CONTEÚDO:

A Widcyber está devidamente autorizada pelo autor(a) para publicar este conteúdo. Não copie ou distribua conteúdos originais sem obter os direitos, plágio é crime.

  • Pesquisa de satisfação: Nos ajude a entender como estamos nos saindo por aqui.

    Você também poderá gostar de ler:

    Você também poderá gostar de ler:

    >
    Rolar para o topo